Lula anuncia Plano Safra 2023/2024 com financiamento de R$ 364,22 bilhões - David Gouveia Notícias

DENGUE

DENGUE

Última

27/06/2023

Lula anuncia Plano Safra 2023/2024 com financiamento de R$ 364,22 bilhões

Os recursos vão apoiar a produção agropecuária nacional até junho de 2024 e visa incentivar o fortalecimento dos sistemas de produção ambientalmente sustentáveis

Foto: Ministério da Agricultura/Divulgação

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, juntamente com o ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, lançaram hoje, em Brasília (DF), o plano de financiamento da agricultura e pecuária empresarial no país. O montante de recursos a serem disponibilizados é de R$ 364,22 bilhões, com o objetivo de apoiar a produção agropecuária nacional de médios e grandes produtores rurais até junho de 2024.

Esses recursos serão destinados ao crédito rural para produtores enquadrados no Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) e outros produtores. O valor total representa um aumento de aproximadamente 27% em comparação ao financiamento anterior (R$ 287,16 bilhões para Pronamp e demais produtores).

O Plano Safra 2023/2024 busca incentivar o fortalecimento de sistemas de produção sustentáveis do ponto de vista ambiental, com a redução das taxas de juros para a recuperação de pastagens e a premiação de produtores rurais que adotam práticas agropecuárias consideradas mais sustentáveis.

Dos recursos disponibilizados para a agricultura empresarial, R$ 272,12 bilhões serão destinados ao custeio e à comercialização, representando um aumento de 26% em relação ao ano anterior. Outros R$ 92,1 bilhões serão destinados a investimentos (+28%).

Serão disponibilizados R$ 186,4 bilhões (+31,2%) com taxas controladas, dos quais: R$ 84,9 bilhões (+38,2%) com taxas não equalizadas e R$ 101,5 bilhões (+26,1%) com taxas equalizadas (subsidiadas). Além disso, R$ 177,8 bilhões (+22,5%) serão destinados a taxas livres.

As taxas de juros para custeio e comercialização serão de 8% ao ano para os produtores enquadrados no Pronamp e de 12% ao ano para os demais produtores. Já para investimentos, as taxas de juros variam entre 7% e 12,5% ao ano, dependendo do programa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here