ANUNCIAE AQUI!



11/03/2022

Especialistas alertam que não existem fórmulas para emagrecer e não recomendam medicamentos e chás

 


Após a grande repercussão sobre o uso de chás, medicamentos e fórmulas para emagrecer por causa da precoce morte da cantora Paulinha, de 43 anos, alguns especialistas falaram sobre os danos que esses componentes podem gerar na saúde das pessoas. Segundo eles, não existe fórmula mágica de emagrecimento e muitas dessas substâncias podem danificar o organismo humano. 

Vale lembrar que Paulinha, vocalista da banda Calcinha Preta, faleceu em decorrência do uso de substâncias para emagrecer, para dormir, ficar alerta e ganhar definição muscular, que acabaram lesionando o seu fígado, de acordo com os exames feitos na cantora. 

O médico endocrinologista da Associação Brasileira para o Esturo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (ABESO), Clayton Macedo, disse ao G1: que "o próprio nome 'fórmula' já remete a mistura de ingredientes, o risco de efeitos colaterais e contaminação é bem maior".

Para o o endocrinologista Cesar Boguszewski, presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), não se deve falar em fórmulas para emagrecer, e sim em tratamento para obesidade. O presidente da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran), Durval Ribas Filho, ainda acrescentou que "não existe uma fórmula específica emagrecedora para todos, mesmo porque não existe uma fórmula para hipertensão arterial, não existe uma fórmula específica para tratamento de diabetes". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial