ANUNCIAE AQUI!



24/02/2021

Em cenário otimista, Bahia pode ter até 50% da população vacinada até julho, diz governador

Por: Paulo M. Azevedo/BNews

 Após celebrar a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que permite estados de negociarem vacinas contra a Covid-19 diretamente com as fabricantes, - desde que aprovadas por agências internacionais - o governador Rui Costa (PT) disse que no cenário mais "otimista", a Bahia pode ter até 50% da sua população vacinada até o fim do primeiro semestre.

"A previsão muito otimista é chegar no meio do ano, em junho, julho, com 50% [da população imunizada], na visão muito otimista", disse o líder do Executivo na Bahia, que criticou o governo Bolsonaro por ter ignorado as propostas para reservar doses da vacina ainda no ano passado.

Em entrevista a José Eduardo, do Balanço Geral, da TV Itapoan, o petista voltou a cutucar a Anvisa e disse que a decisão do STF "libertou o Brasil" do órgão. 

Rui já criticou a Anvisa diversas vezes pela demora em aprovar o uso emergencial de imunizantes que já foram aceitos em outros países.

O Supremo decidiu que estados e municípios terão autonomia e responsabilidade pela aplicação de vacinas aprovadas por agências internacionais, isentando o Governo Federal - mesmo sem manifestação da Anvisa em até 72h.

"Agora, com a possibilidade de utilizar outras vacinas aprovadas no mundo inteiro, que somente a Anvisa achava que não deveria ser utilizada, aí sim abrimos o leque de opções. A questão não é quem compra, estado, União, município, mas abre o leque de opões. Já temos opção da Pfizer, Moderna, a indiana, russa, a Sinopharma, outra vacina chinesa [...] a decisão do STF libertou o Brasil da Anvisa, fomos libertados para correr atrás de outras", declarou o governador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial