ANUNCIAE AQUI!



09/05/2018

Gugu pode ser condenado em caso que envolve a morte de duas crianças

Tragédia aconteceu em agosto de 2007; Keiua e Kawai morreram asfixiadas por inalação de gás, supostamente vazado após uma obra feita no apartamento do apresentador


O apresentador Gugu Liberato pode ser condenado em um processo que se arrasta há 11 anos, decorrente de um acidente que causou a morte de duas crianças. Conceição Gonçalves Ferreira move a ação contra a Promoart, empresa que pertence ao apresentador, contra o Condomínio Barra Beach e o engenheiro Ronald Stourdze D’angelo Visconti e a Sfera Engenharia.

O fato aconteceu em agosto de 2007, quando Conceição perdeu as duas filhas, Keilua, de 6 anos, e Kawai, de 12, vítimas de asfixia por inalação de gás. Uma obra feita nas duas coberturas cujo o dono era Gugu, no prédio na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, teria provocado a morte das meninas. As garotas tomavam banho no apartamento no 11° andar, logo abaixo das coberturas, no momento do vazamento de gás.

Na época, um laudo da perícia realizada pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) apontou para uma alteração na chaminé coletiva do apart hotel causada pelas obras nas coberturas. Há 20 anos na Itália, Conceição retorna ao Brasil para a audiência que acontece no próximo dia 29, com esperanças de um resultado favorável.

“Espero pelo fechamento de um ciclo. Há 11 anos, aguardo por Justiça. O caso das minhas filhas não pode ser encarado como mais uma estatística. Existem responsáveis pela morte deles, e eles têm responder por isso”, contou ao jornal Extra.

Conceição afirmou que a defesa do apresentador – atualmente na Rede Record – chegou a oferecer pouco mais de R$ 200 mil. A mãe das garotas recusou e levou o processo adiante.“Nem sei de quanto é essa causa. Minhas filhas deveriam estar vivas. Mas parece que só mexendo no bolso das pessoas para elas entenderem o que é a dor de uma mãe”, explicou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial