ANUNCIAE AQUI!



30/01/2022

Deputada publica montagem enganosa que associa miocardite à vacina

Diferente do post da deputada, o jogador Alphonso Davies teve miocardite como conseqüência da Covid



A deputada federal Carla Zambelli (PSL – SP) publicou um post enganoso no Facebook, no qual ela faz uma montagem com títulos de reportagens dando a entender que o jogador canadense Alphonso Davies, do Bayern de Munique (Alemanha), teve miocardite por conta da vacina contra o coronavírus.

O jogador teve este problema após contrair a doença, como mostra a íntegra de uma das notícias destacadas pela parlamentar. A conclusão sobre o diagnóstico do jogador foi divulgada oficialmente pelo Bayern de Munique.

De acordo com a CNN, no post publicado no Facebook, a deputada enfatiza o conteúdo com o comentário “Notícias que falam por si só! Tirem suas conclusões!”. Em contato com o Comprova, a assessoria de Carla Zambelli negou que ela tivesse relacionado este caso de miocardite à vacinação, mas foi esse o entendimento de diversos seguidores que comentaram o post da deputada.

O Comprova classificou o conteúdo como enganoso, porque tira de contexto as informações sobre a miocardite e o diagnóstico feito no jogador do Bayern de Munique, induzindo a conclusões equivocadas.

Como verificamos?
Para realizar a verificação, procuramos as reportagens utilizadas por Carla Zambelli na montagem enganosa para entender o contexto em que foram publicadas e também o que os textos na íntegra diziam.

Na sequência, buscamos dados oficiais de órgãos como a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o Ministério da Saúde, o Food and Drug Administration (FDA – equivalente à Anvisa nos Estados Unidos) e o Programa Nacional para as Doenças Cérebro-Cardiovasculares da Direcção-Geral da Saúde, órgão de saúde do governo de Portugal.

Também foram procurados especialistas, informações no site oficial do Bayern de Munique e a deputada que publicou a montagem.


Títulos tirados de contexto levam a falso entendimento
A montagem publicada pela deputada traz as imagens dos títulos de três textos diferentes. O primeiro é uma reportagem da agência alemã Deutsche Welle, de 22 de novembro de 2021, com a manchete “Bayern de Munique pune jogadores não vacinados”, que discute a possibilidade de o clube multar atletas que escolham não tomar a vacina e percam dias de trabalho caso tenham Covid-19.

O segundo texto é um alerta da Anvisa publicado em seu próprio site no dia 9 de julho de 2021, com o título “Anvisa alerta sobre risco de miocardite e pericardite pós-vacinação”. Ali, a agência informou que o órgão norte-americano FDA relatou a ocorrência de casos raros de miocardite (inflamação do músculo cardíaco) e de pericardite (inflamação do tecido que envolve o coração) após a vacinação contra Covid-19 com imunizantes de plataforma RNA mensageiro (RNAm), como as vacinas da Pfizer e da Moderna.

O terceiro texto é uma reportagem do site Globo Esporte, de 14 de janeiro de 2022, com o título “Alphonso Davies é diagnosticado com miocardite e precisa ser afastado no Bayern de Munique”. O texto é claro ao informar que o lateral-esquerdo teve a inflamação no coração como desdobramento da infecção pela Covid-19, e não por conta da vacinação.

A deputada é integrante da bancada de apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PL) e, assim como ele, tem uma atuação marcada pela divulgação de conteúdos contrários à vacinação contra Covid-19. Em dezembro de 2021, por exemplo, a Agência Lupa mostrou que a parlamentar usou conteúdo falso para atacar a vacinação de crianças contra a doença.

Fonte:bahia.ba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial