ANUNCIAE AQUI!



13/03/2021

Vitória bate o Bahia e encerra jejum de quatro anos sem vencer o rival no Barradão

Por: Felipe Oliveira/ECB

 Deu Vitória no primeiro clássico da temporada 2021. Jogando no Barradão, em duelo válido pela Copa do Nordeste, o Leão não tomou conhecimento do retrospecto negativo jogando contra seu maior rival em casa e venceu o confronto por 1 a 0. O resultado encerrou um jejum de quase 4 anos do Vitória sem vencer o Esquadrão no Barradas.

O único gol da partida foi marcado por Samuel, de fora da área, aos 12 minutos da segunda etapa.

Com o resultado, os comandados de Rodrigo Chagas ocupam a vice-liderança do grupo B, com 6 pontos. Já o Esquadrão é o quarto do grupo A, com 4 pontos.

As equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, às 18h, em Pituaçu, pelo Campeonato Baiano. A tendência é que as entrem em campo com um time alternativo. 

O JOGO

O primeiro foi sem muita emoção no Barradão. Com uma proposta mais defensiva, o Bahia não conseguiu encaixar um  contra-ataque e não incomodou o goleiro Lucas Arcanjo. 

Do outro, o Vitória teve maior posse de bola e campo para construir as jogadas, mas foi pouco eficiente. O único lance de perigo da partida saiu aos 34 minutos, após uma falha do goleiro Douglas no chute de David. No rebote, Patrick afastou o perigo.

Segundo tempo

O primeiro lance de perigo da segunda etapa foi dos donos da casa. Logo aos 3 minutos, Vico fez boa jogada pela direita e bateu de fora da área, mas Douglas defendeu.

No lance seguinte, o Vitória perdeu uma grande oportunidade de abrir o placar no Barradão. Vico ganhou da marcação, dominou dentro da área e rolou para Gabriel Santiago. O meia bateu, mas a bola parou em Lucas Fonseca.

A resposta do Bahia veio aos 10 minutos. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Rossi na segunda trave. O atacante emendou um voleio e levou perigo ao gol do Leão. 

Aos 12, saiu o Vitória balançou as redes. Samuel recebeu na entrada da área e bateu colocado no canto de Douglas para abrir o placar. Na comemoração, o atacante imitou uma pescaria em provocação ao Bahia.

Atrás do placar, o Bahia precisou se lançar ao ataque. Aos 18, Rodriguinho teve boa chance de cabeça, mas mandou para fora.

Aos 26, o Bahia chegou novamente. Nino Paraíba acionou Gilberto na área e o atacante, sozinho, mandou para fora.

Fonte: Bn News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial