ANUNCIAE AQUI!


17/08/2020

Psol vai representar contra Sara Winter por divulgar dados de menina estuprada

Ativista revelou endereço da unidade de saúde em que aconteceria aborto legal de criança de 10 anos estuprada por seu tio


A bancada do Psol na Câmara dos Deputados anunciou no começo da tarde desta segunda-feira (17) que vai representar contra Sara Winter no Ministério Público do Distrito Federal e na Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão. No domingo (16), Sara revelou o endereço da unidade de saúde em que aconteceria o aborto legal de uma criança de 10 anos estuprada por seu tio e publicou também o nome da menina.

Decisão da Justiça do Espírito Santo, nesta segunda, determinou a retirada dos posts feitos por Sara Winter do ar. A decisão atendeu a um pedido da Defensoria Pública do Espírito Santo (DPES), que alegou que os dados divulgados geraram mais constrangimento à menina e aos familiares.
A menina vítima de estupro passou pelo procedimento de aborto legal no Recife após a equipe médica do Espírito Santo se negar a atuar mesmo após decisão judicial.

Com informações do Congresso em Foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial