Segunda parcela do 13º salário deve injetar R$ 112,9 bi na economia brasileira - David Gouveia Notícias

DENGUE

DENGUE

Última

05/12/2022

Segunda parcela do 13º salário deve injetar R$ 112,9 bi na economia brasileira

A pesquisa ainda mostra que o principal destino desta segunda parcela será o pagamento de dívidas

A segunda parcela do 13º salário, paga até o dia 20 de dezembro, deve injetar R$ 112,9 bilhões na economia brasileira, conforme pesquisa da Confederação Nacional de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

Com o nível de endividamento das famílias, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a pesquisa ainda mostra que o principal destino desta segunda parcela será o pagamento de dívidas, com R$ 42,7 bilhões, 38% do total projetado.

Outros R$ 37,2 bilhões (33%) devem ser usados no comércio, R$ 19,6 bilhões (17%) em serviços e R$ 13,5 bilhões (12%) para poupança.

Dos mais de R$ 37 bilhões que devem seguir para o varejo, os segmentos mais beneficiados devem ser o de hiper e supermercados, com R$ 15,5 bilhões, de vestuário e calçados, com R$ 10,5 bilhões, além dos estabelecimentos especializados em utilidades domésticas, com R$ 4,34 bilhões.

Ainda segundo o levantamento da CNC, o pagamento do 13º salário, com as duas parcelas, vai somar R$ 251,6 bilhões neste ano, valor 6,4% maior ante o ano passado, já descontada a inflação.

A pesquisa também apontou que os trabalhadores que estão na ativa representam 56% dos beneficiados, enquanto aposentados e pensionistas, 36%. Cada pessoa com carteira assinada deve receber, em média, R$ 2.870. No ano passado, o valor médio estimado era de R$ 2.868.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here