ANUNCIAE AQUI!



22/11/2021

TSE abre teste de urnas para hackers: “buscamos falhas”, diz Barroso

Ao todo, 26 investigadores se reunirão no TSE para aplicar 29 planos de ataque às urnas. A intenção é melhorar o sistema
(Foto: Nelson Jr./SCO/STF)


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) abriu nesta segunda-feira (22/11) a sexta edição do Teste Público de Segurança (TPS). Até sexta-feira (26/11), especialistas escolhidos da sociedade civil realizarão tentativas de invasão às urnas eletrônicas para avaliar a segurança delas e aperfeiçoar o sistema eleitoral.

“Estamos em busca de falhas e aperfeiçoamento. O TPS é o momento em que a sociedade colabora com a segurança das urnas para indicar formas de correção. Ele ocorre desde 2009, e traz grande contribuição”, afirmou o presidente da Corte Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso, na cerimônia de abertura.

Durante toda a semana, 26 investigadoras e investigadores se reunirão no TSE com o objetivo de aplicar 29 planos de ataque aos equipamentos e sistemas desenvolvidos pelo TSE para serem usados nas Eleições Gerais de 2022. O objetivo do TPS é corrigir, antes do pleito do próximo ano, eventuais vulnerabilidades nos softwares e hardwares que venham a ser identificadas pelos participantes do evento.

Metrópoles 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial