ANUNCIAE AQUI!



16/09/2021

Rejeição a Bolsonaro cresce e registra novo recorde, mostra Datafolha

53% dos entrevistados classificam o governo como ruim ou péssimo, a maior marca desde o início do mandato


Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira 16 indica que se mantém a tendência de alta na reprovação ao governo de Jair Bolsonaro. 53% dos entrevistados classificam a gestão como ruim ou péssima, a maior marca desde o início do mandato, em janeiro de 2019. Na rodada anterior, de julho, eram 51%.

Avaliam o governo como bom ou ótimo 22% (eram 24%), enquanto os que veem a atual gestão como regular se mantêm em 24% do eleitorado. O novo levantamento indica que os atos antidemocráticos do 7 de Setembro, que contaram com ameaças golpistas do ex-capitão, e a carta de recuo arquitetada por Michel Temer não serviram para elevar a popularidade do governo.

A pesquisa identificou um aumento mais expressivo de rejeição ao presidente entre quem ganha de 5 a 10 salários mínimos (41% para 50%) e entre as pessoas com mais de 60 anos (de 45% para 51%).

O Datafolha entrevistou presencialmente 3.667 pessoas com mais de 16 anos em 190 municípios de todo o País entre os dias 13 e 15 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou menos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial