ANUNCIAE AQUI!



29/09/2021

Cerveja recebe reajuste na fábrica e deve ficar mais cara a partir de sexta-feira

Ambev anunciou que preços da cerveja devem ser aumentados em cerca de 10%

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil


A Ambev, cervejaria dona de marcas como Skol, Brahma, Antarctica, Bohemia e Stella Artois, anunciou nesta quarta-feira, 29, o aumento do preço de seus produtos, repassando-o para lojistas e distribuidores.

De acordo com a empresa ao jornal O Globo, o percentual de reajuste vai variar de acordo com as regiões, marca, canal de venda e embalagem. Os novos valores serão praticados já partir desta sexta-feira, 1º de outubro.

Em nota, a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) afirmou que o reajuste deverá ser repassado imediatamente ao consumidor.

“Há uma pressão muito grande dos custos, tanto para a Ambev, neste caso específico, quanto para os bares e restaurantes. O combustível, a energia, os insumos, entre outros, estão mais caros. Por isso, acredito que este reajuste chegará ao consumidor final imediatamente”, diz Paulo Solmucci, presidente da associação.

De acordo com Paulo, o aumento da cerveja em São Paulo deverá ser de até 10%, enquanto no Rio de Janeiro deverá ser apenas de 7%. No restante do país, os reajustes devem circular em torno da inflação acumulada nos últimos 12 meses, de cerca de 10%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial