Vitória perde clássico para o Bahia, mas está na final do Campeonato Baiano - David Gouveia Notícias

DENGUE

DENGUE

Última

01/05/2011

Vitória perde clássico para o Bahia, mas está na final do Campeonato Baiano

O Ba-Vi deste domingo, 1º, no Barradão, foi emocionante. O Bahia, que precisava vencer por dois ou mais gols de diferença para se classificar, pressionou o rival e conquistou o triunfo por 3 a 2, mas foi o Vitória que garantiu vaga na final do Campeonato Baiano.

Isso porque o Leão jogava por dois resultados iguais por ter feito melhor campanha nas primeiras fases da competição, e tinha vencido o jogo de ida da semifinal por 1 a 0.

No jogo deste domingo, o Tricolor marcou os gols do triunfo com Marcone (dois) e Souza. Geovanni e Neto Baiano descontaram para o Rubro-negro e garantiram o time da Toca na decisão do Estadual.

Agora, o Vitória decidirá o título contra o Bahia de Feira, que garantiu vaga na outra semifinal após o 1 a 1 contra o Serrano. O primeiro confronto entre as duas equipes será realizado no próximo domingo, 8, às 16h, com o Leão tendo a vantagem de jogar por dois resultados iguais para conquistar o pentacampeonato.

Já o Bahia, que fica mais um ano sem conquistar o Estadual, terá três semanas de prepararação para estrear com um bom resultado na Série A do Campeonato Brasileiro, no próximo dia 22, quando enfrenta o América-MG fora de casa, às 18h30, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, Minas Gerais.

O jogo – O Bahia entrou em campo precisando de um triunfo por dois gols para passar à final. E logo aos dois minutos, Marcone abriu o placar e deixou o jogo ainda mais emocionante. Após sobra de bola na área, o volante pegou de primeira e estufou a rede de Viáfara.
Aos sete, o Tricolor quase marcou o segundo. Maranhão recebeu passe livre na esquerda e cruzou para Souza, mas o atacante finalizou em cima do goleiro rubro-negro e desperdiçou grande oportunidade.
Com o pressão tricolor, o Vitória começou a explorar as jogadas de contra-ataques. Aos 22, Nino Paraíba entrou em velocidade pela direita e sofreu pênalti após ser derrubado por Danny Morais na área. Geovanni cobrou no meio do gol e empatou a partida.

O Tricolor precisava do resultado e continuou no ataque. No fim do primeiro tempo, após lateral cobrado por Ávine, a bola foi desviada e sobrou para Titi. Na pequena área, o zagueiro tentou pegar de primeira, mas furou e desperdiçou boa chance.

2º tempo - A segunda etapa começou da mesma maneira da primeira: Marcone colocou sua equipe novamente na frente. No primeiro minuto, o volante tricolor acertou um belo chute de fora da área, no ângulo direito de Viáfara, e marcou um golaço.

Com isso, o Bahia precisava de mais um gol para chegar à final. E não faltou vontade ao time de René Simões, que jogou no ataque durante todo o segundo tempo para conquistar o objetivo.

Já o Vitória de Antônio Lopes estava bem postado na defesa. Após ter colocado Neto Baiano no lugar do machucado Mineiro ainda no primeiro tempo, o Delegado realizou outras duas alterações: Rildo e Léo entraram nos lugares de Nikão e Nino Paraíba, respectivamente.

Com as mudanças, o Vitória conseguiu levar perigo em jogadas rápidas e chegou ao empate aos 25. Rildo recebeu lançamento na direita e cruzou para Neto Baiano, livre na pequena área, escorar para marcar o segundo do Leão.

Após o gol rubro-negro, o Bahia continuou no ataque. Tressor Moreno, Maurício e Marcos entraram nos lugares de Ramon, Maranhão e Jancarlos, respecticamente. Porém, o setor defensivo do Vitória fechou os espaços e anulou as jogadas do time de René Simões.

Com isso, o Tricolor ficou nervoso. No fim da partida, o zagueiro Titi recebeu o segundo amarelo após cometer falta dura em Rildo e foi expulso.

Mesmo com um jogador a menos, Lulinha foi derrubado por Eduardo Neto na área e sofreu pênalti. Souza bateu bem e garantiu o triunfo tricolor, mas a classificação ficou mesmo com o Vitória.

Vitória 2x3 Bahia – Jogo de volta da semifinal do Baianão 2011

Local: Barradão, em Salvador (BA).

Árbitro: Wilson Luiz Seneme (São Paulo).

Assistentes: Roberto Braatz (Paraná) e Emerson Augusto de Carvalho (São Paulo).

Gols: Marcone (aos 2 da 1º etapa e 1 do 2º tempo) e Souza (aos 48 da 2ª etapa) para o Bahia; Geovanni (aos 22 da 1ª etapa) e Neto Baiano (aos 25 do 2º tempo) para o Vitória.

Cartões amarelos: Nikão, Nino Paraíba, Esdras e Viáfara (Vitória); Marcone, Danny Morais, Souza e Titi (Bahia).

Cartão vermelho: Titi (Bahia).

Vitória: Viáfara; Nino Paraíba (Léo), Alison, Reniê e Eduardo Neto; Uelliton, Esdras, Mineiro (Neto Baiano) e Nikão (Rildo); Elkeson e Geovanni. Técnico: Antônio Lopes.

Bahia: Omar; Jancarlos (Marcos), Danny Morais, Titi e Ávine; Marcone, Camacho, Ramon (Tressor Moreno) e Lulinha; Maranhão (Maurício) e Souza. Técnico: René Simões.

Fonte:www.atarde.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here