ANUNCIAE AQUI!



21/01/2021

Índia irá exportar vacina de Oxford ainda nesta quinta-feira para o Brasil

Por: Tânia Rêgo/Agência Brasil

 A Índia irá iniciar a exportação da vacina de Oxford para o Brasil nesta quinta-feira (21), o imunizante é desenvolvido pela farmacêutica britânica AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford (Reino Unido). O Brasil espera receber 2 milhões de doses prontas da vacina contra a covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, nesta primeira remessa.

O voo que trará a vacinas da Astrazeneca/Oxford da Índia para o Brasil tem decolagem prevista para as 4h05 horário local, 19h45 desta noite pelo horário de Brasília.

"Seguindo essa visão, respondemos positivamente aos pedidos de fornecimento de vacinas manufaturadas indianas de países de todo o mundo, começando pelos nossos vizinhos [...] O fornecimento das quantidades comercialmente contratadas também começará a partir de amanhã, começando pelo Brasil e Marrocos, seguidos da África do Sul e Arábia Saudita", declarou o ministro das Relações Exteriores da Índia, Harsh Vardhan Shringla.

Vacinação

Neste domingo (17), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso emergencial da CoronaVac, produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o instituto Butantã, e do imunizante que é desenvolvido pela farmacêutica britânica AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford.

O país iniciou a vacinação com a CoronaVac e aguarda a chegada das doses provenientes da Índia para dar continuidade ao Plano Nacional de Imunização (PNI). 

Desde o início da pandemia de covid-19, o Brasil registrou 8.638.249 casos confirmados e 212.831 óbitos, de acordo com dados do último boletim epidemiológico do ministério da Saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial