ANUNCIAE AQUI!


20/10/2020

Flagrado com dinheiro na cueca, senador Chico Rodrigues pede licença do cargo

 


O senador Chico Rodrigues (DEM-RR), flagrado em uma operação da Polícia Federal com R$ 30 mil na cueca,  pediu nesta terça (20), licença do cargo por 90 dias. Ele não será substituído nesse período. A licença é não remunerada. 

Veja aqui: PF encontra dinheiro escondido entre as nádegas de vice-líder do governo


Como o afastamento é inferior a 120 dias, o suplente do senador, que é filho dele, não assumirá o mandato. Chico Rodrigues foi flagrado com R$ 33 mil na cueca na semana passada. O dinheiro foi encontrado durante uma operação que cumpriu mandados de busca e apreensão na casa do parlamentar.

A operação apura suposto esquema de desvio de recursos públicos em Roraima. Rodrigues nega as acusações e afirma que o dinheiro serviria para pagar funcionários. Após a operação da semana passada, partidos políticos protocolaram uma representação no Conselho de Ética no Senado com o objetivo de cassar o mandato de Chico Rodrigues.

Aliados do senador, contudo, passaram esta segunda-feira (19) costurando um acordo para que Chico Rodrigues se licenciasse. O próprio presidente do Conselho de Ética, Jayme Campos (DEM-MT), sugeriu que o senador se licenciasse por 121 dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial