ANUNCIAE AQUI!


09/02/2020

No 1º clássico do ano, Vitória vence o Bahia por 2 a 0 na Arena Fonte Nova

A torcida única não pesou muito para o Bahia, que perdeu para o Vitória por 2 a 0 na noite deste sábado (8), na Arena Fonte Nova. O primeiro clássico do ano foi válido pela 3ª rodada da Copa do Nordeste. Com o resultado, o Vitória quebra o jejum de 12 partidas sem ganhar do Bahia.

Os gols da partida foram marcados por Thiago Carleto e Vico, ainda na primeira etapa.

Com o resultado, o Leão assumiu momentaneamente a liderança do Grupo B da Copa do Nordeste, com cinco pontos. O Esquadrão por sua vez, permanece na quinta posição, com quatro pontos conquistados.

O JOGO

O primeiro lance de perigo da partida foi do Vitória. Logo aos dois minutos, Fernando Neto acertou um belo chute de fora da área e a bola acertou a trave esquerda de Douglas.

A resposta Tricolor veio aos 8 minutos. Élber avançou em velocidade e bateu cruzado na entrada da área, Ronaldo praticou uma bela defesa.

Aos 12, Ronaldo precisou trabalhar de novo. Após belo passe de Élber, Flávio bateu firme e obrigou Ronaldo a fazer mais uma defesa.

O primeiro gol da partida saiu aos 23. Thiago Carleto bate forte soltou o pé, em cobrança de falta, e venceu o goleiro Douglas.

A resposta Tricolor foi novamente com Élber. Após jogada em velocidade, o atacante bateu cruzado, e Ronaldo fez mais uma grande defesa.

Aos 35, Ronaldo operou mais um milagre. Após cobrança de escanteio, Juninho desviou de cabeça na primeira trave e Ronaldo fez uma defesa espetacular para manter o Vitória em vantagem no jogo.
O segundo gol do Leão saiu aos 43. Após cobrança de escanteio, Vico desviou de cabeça e estufou as redes.

Segundo tempo
Logo aos 2 minutos da segunda etapa, Ronaldo evitou mais uma vez o gol do Bahia. Após cobrança de escanteio, Juninho sobrou alto para cabecear, mas Ronaldo salvou.

Três minutos depois, Juninho Capixaba cobrou falta direto e Ronaldo se esticou todo para fazer mais uma boa defesa.

Aos 8, Ronaldo apareceu mais uma vez. Após uma batida firme de Élber, o arqueiro foi cirúrgico e salvou o Vitória mais uma vez.

Bateu roupa de novo! Aos 30, Carleto cobrou mais uma falta de longa distância e Douglas bateu roupa mais uma vez.

No último lance da partida, Vico avançou em velocidade e bateu rasteiro. Douglas defende, mas ainda assim foi vaiado.

Bocao news

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial