ANUNCIAE AQUI!


03/01/2020

Ataque a míssil dos EUA mata comandante militar do Irã e causa tensão mundial

Casa Branca confirmou que o ataque foi por ordem direta do presidente Donald Trump

Foto: Shealah Craighead/Casa Branca

Um ataque dos Estados Unidos perto do aeroporto de Bagdá, no Iaque, na madrugada desta sexta-feira (03), matou o comandante das Forças Quds, unidade especial da Guarda Revolucionária do Irã, o brigadeiro-general Qassen Suleimani.

Além disso, o míssil também executou o número 2 das Forças de Mobilização Popular (FMP), o comandante Abu Mahdi al-Muhandis.

O Pentágono confirmou que os EUA foram os responsáveis pelo ataque com “o objetivo de prevenir futuros planos de ataque do Irã”. “O general Suleimani estava desenvolvendo ativamente planos para atacar diplomatas e militares americanos no Iraque e em toda a região”.

A Casa Branca confirmou que o ataque foi por ordem direta do presidente Donald Trump.
Especialistas em conflitos na região garantem que um ataque deste tipo, vitimando a figura mais representativa do poderio militar do Irã, terá uma resposta à mesma altura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial