ANUNCIAE AQUI!


07/02/2019

Defesa de Lula diz que sentença reforça perseguição política

Segundo o advogado Cristiano Zanin, decisão da juíza Gabriela Hardt “atenta aos mais basilares parâmetros jurídicos"

Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

A defesa do ex-presidente Lula informou que recorrerá da condenação proferida nesta quarta-feira (6) pela juíza Gabriela Hardt e afirmou que a sentença segue a mesma linha de decisão anterior do ex-juiz Sérgio Moro, em outro processo.

Para o advogado Cristiano Zanin, a sentença da magistrada “atenta aos mais basilares parâmetros jurídicos e reforça o uso perverso das leis e dos procedimentos jurídicos para fins de perseguição política”.

“Uma vez mais a Justiça Federal de Curitiba atribuiu responsabilidade criminal ao ex-presidente tendo por base uma acusação que envolve um imóvel do qual ele não é o proprietário, um ‘caixa geral’ e outras narrativas acusatórias referenciadas apenas por delatores generosamente beneficiados”, diz trecho da nota da defesa.


Ainda conforme o advogado, a juíza desconsiderou provas apresentadas pela defesa nas alegações finais, no começo de janeiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial